1 de agosto de 2012

Todos os demônios são iguais?


O padre José Antonio Fortea, no SVMMA Daemoniaca nos responde essa questão, então vamos lá conferir:

"Já vimos que cada demônio pecou com uma determinada intensidade. Além disso, cada demônio pecou em um ou vários pecados em especial. A rebelião teve sua raiz na soberba, porém dessa raiz nasceram outros pecados. Observamos isso muito claramente nos exorcismos; há uns demônios que pecam mais pela ira, outros pelo egoísmo, outros pela cólera etc. Cada demônio tem sua psicologia, sua forma particular. Há os falantes, os mais irônicos e depreciativos; em um aparece de modo especial a soberba, em outro o pecado do ódio etc. Apesar de todos terem se afastado de Deus, uns se afastaram mais do que outros.

Temos de recordar que, como diz São Paulo, são nove as hierarquias de anjos. As hierarquias superiores são mais poderosas, belas e inteligentes que as inferiores. Cada anjo é completamente distinto de outro. Não há raças de anjos, para usar um termo zoológico, uma vez que cada um esgota sua espécie. Todavia, certamente é possível agrupar os anjos em distintos grande grupos ou hierarquias, também chamados coros, pois esses grupos formam uma espécie de coro que entoa louvores a Deus. Seu canto, certamente, não procede da voz, já que se trata mais de um louvor espiritual que emite sua vontade ao conhecer e amar a Santíssima Trindade.

De cada uma das nove hierarquias caíram anjos que se transformaram em demônios. Digamos que há demônios que são virtudes, postestades, serafins etc. Mesmo sendo demônios, conservam intacto seu poder e inteligência.

Por outro lado o que dissemos, está claro que existe uma hierarquia demoníaca. Os exorcistas comprovam que entre eles há os que têm poder superior sobre os outros. Em que consiste esse poder? Impossível saber, pois não se conhece como um demônio pode obrigar outro fazer algo dado que não existe corpo para empurrar ou forçar. Aliás, é comprovado que um demônio superior pode forçar um inferior a não sair de um corpo durante um exorcismo. Mesmo que o inferior esteja sofrendo ou queira sair, o superior pode impedi-lo. Como um demônio pode forçar outro, sendo esse intangível, é algo que, repito, escapa à nossa compreensão".

Quer saber mais sobre o Ritual de Exorcismo, então clique AQUI

Fonte:
FORTEA, José Antônio. Summa daemoníaca: trato de demonologia e manual de exorcistas. São Paulo: Palavra & Prece, 2010. Pp. 26-27.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Serão excluídas mensagens de cunho ofensivo!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...