8 de julho de 2012

Férias: tempo ideal para estar mais próximo da família

Chegaram as férias de julho! Um momento muito esperado pelas crianças, para muitas, tempo de recompensa pelos longos dias de estudo. Mas para elas não significa tempo de descanso, elas têm muita energia e querem brincar!

As férias dão a oportunidade e tempo das crianças procurarem outros espaços educacionais diferentes da escola. Para a pedagoga Maria Chiara Sebok, é importante que a criança experimente momentos que estão fora de sua rotina diária. Não importa a quantidade de tempo: um mês ou algumas semanas, mas esse período traz para a criança uma mudança - de rotina, de ambiente, de amigos - e pode oferecer a possibilidade de socialização com outras crianças de faixa etárias diferentes. E a educação informal também vigora nesse convívio entre os familiares e amigos.

“Criança em primeiro lugar precisa de sua família. Sua identidade depende muito dessa relação com seus pais. Muitas vezes as férias podem ser o único momento em que elas podem se aproximar mais de seus pais e familiares”, salienta a pedagoga Maria Chiara Sebok.

A programadora de marketing Andréia e seu esposo João Paulo Ramos procuram sempre tirar pelo menos uma semana de férias em julho para estarem com seus filhos, Luis Eduardo, 7 anos, e Maria Eduarda, 14 anos.

“Tiro sempre alguns dias para ficar com eles, fazemos passeios pela região e eles adoram viajar com os tios também”, conta Andréia.
Mas quando o orçamento está curto e não dá para viajar, Andréia e João Paulo usam a criatividade e garantem que não é preciso muito dinheiro para se divertir em família.

"Assistimos filmes, faço a comidinha que eles gostam, levo-os ao parque. Meu filho adora andar de bicicleta, skate, brincar na rua e jogar bola, já minha filha é mais tranquila, adora ir ao cinema, dormir na casa das primas e gosta de convidar as amigas para dormir em casa também", diz Andréia.


Atividades para as férias

A pedagoga Maria Chiara dá ainda outras sugestões de atividades para as férias que variam de acordo com cada faixa etária. Para as crianças que estão ainda na pré-escola, a especialista sugere uma atividade interessante que elas podem fazer com os pais: cozinhar. É interessante também que elas convivam com outras crianças, cantem e dancem músicas infantis, brinquem na areia e na natureza.

"O mais importante é oferecer um espaço seguro junto com outras crianças de faixa etária parecida para não se machucarem, acompanhados por um adulto ou dois adultos se alcançarem 15 crianças", destaca Maria Chiara.

Para os pais que podem tirar férias com os filhos, uma sugestão é organizar viagens com outras famílias em pousadas, casas de férias ou acampamentos, o que pode enriquecer a socialização dessas crianças em outros ambientes que não seja a escola.

Para crianças maiores, que já estão numa fase mais “independente”, elas podem participar de acampamentos, escotismo ou mesmo campeonatos esportivos, ir ao clube para nadar e fazer exercícios físicos.

"Mesmo que os pais estejam trabalhando nesse período, é importante que eles se aproximem mais da criança brincando junto com elas ou dando atenção exclusiva de no mínimo meia hora por dia. Esse contato pode mostrar para a criança que você a considera e ela pode se sentir segura em casa", destaca a pedagoga.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Serão excluídas mensagens de cunho ofensivo!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...