10 de novembro de 2011

Por que os Papas escolhem novos nomes?

Pio XII, Leão XIII, João Paulo II, Bento XVI... O que significam esses nomes? Por que ao serem eleitos, os Papas assumem outros nomes? 

O primeiro a mudar de nome foi Abraão, que antes se chamava Abrão. “De agora em diante não te chamarás mais Abrão, e sim Abraão, porque farei de ti o pai de uma multidão de povos” (Gn 17, 5). Assim, seu nome significa "pai de uma multidão".

Jacó também mudou de nome e passou a ser chamado por Israel. “Teu nome, disse-lhe Ele, é Jacó. Tu não te chamarás mais assim, mas Israel. E  o chamou  com  o  nome  de  Israel. Eu sou o Deus poderoso. Sê fecundo e multiplica-te. De ti nascerão um povo e uma  assembleia de povos; e de teus rins sairão reis. A  terra  que  dei a  Abraão e a Isaac, eu a darei a ti e à tua posteridade” (Gn 35, 10-12).

Já no Novo Testamento, Simão foi o primeiro dos discípulos a responder a pergunta de Jesus "E vós, quem pensais que sou eu?". "Pedro disse: 'Tu és o Cristo, o Filho do Deus vivo'. Jesus, então, lhe disse: 'Bem-aventurado és tu, Simão, filho de Jonas, porque não foi carne ou sangue que te revelaram isso, e sim Meu Pai que está nos céus. Também Eu te digo que tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei Minha Igreja, e as portas do inferno nunca prevalecerão contra ela. Eu te darei as chaves do Reino dos Céus e o que ligares na terra será ligado nos céus. E o que desligares na terra será desligado nos céus'" (Mt 16, 16-19).

"A mudança de nome significa assumir uma missão específica, uma função. Deste modo, muitos padres e religiosos passam a assumir um novo nome também quando entram na vida religiosa", esclarece Felipe Aquino.


João Paulo II e Bento XVI: seus nomes e seus pontificados

Ao traçar um paralelo entre o nomes escolhidos pelos últimos papas e seus respectivos pontificados, professor Felipe Aquino salienta que Karol Wojtyla ao escolher o nome João Paulo II, quis seguir aquilo que João Paulo I tinha escolhido, “quis dar a entender que o pontificado dele seria uma continuação do pontificado de Paulo VI e também de João XXIII, dando sequência às mudanças que o Concílio Vaticano II introduziu na Igreja”.

Em 2005, Joseph Alois Ratzinger, por sua vez, ao ser eleito Papa, adotou o nome de Bento XVI. São Bento é patrono da Europa, o reconstrutor do Continente que ficou sem rumo após da queda diante dos bárbaros, no século V. “Foi São Bento com seus mosteiros que levantou a Europa. Assim, o Papa Bento XVI quer fazer a mesma coisa, escolhendo este nome por sua admiração a este santo”, explica o professor.

E você se pudesse ter outro nome, qual seria?

Fonte:  http://www.cancaonova.com/ acesso em 08 de novembro de 2011.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Serão excluídas mensagens de cunho ofensivo!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...